Duratex vai investir R$ 100 mi em startups

A Duratex, que atua por meio das marcas Deca, Hydra, Ceusa, Portinari, Durafloor e Duratex, acaba de criar um fundo de Corporate Venture Capital (CVC) para investimentos em startups e scale-ups com um primeiro aporte de R$ 100 milhões.

Com foco em empresas em múltiplos estágios, a companhia é a única cotista deste fundo, mas contará com o auxílio da Valetec, uma gestora de venture capital especializada.

Segundo a Duratex, a ideia é acompanhar as macrotendências de transformação e inovação do setor de construção, reforma e decoração por meio do desenvolvimento de negócios relevantes no longo prazo.

Assim, será possível mapear potenciais disrupções dos negócios e produtos da companhia, além de abordar oportunidades identificadas no core business da empresa.

“O CVC é mais um importante passo para a materialização da cultura de inovação da Duratex, além de abrir novas frentes de atuação da companhia que possibilitam avanços importantes em seu processo de digitalização e aprimoramento da jornada do consumidor”, afirma Antonio Joaquim de Oliveira, presidente da Duratex.

Além da Duratex, empresas de diferentes setores estão buscando se aproximar de startups através de fundos de CVC, como é o caso do grupo Fleury e do laboratório Sabin, da EDP, da Telefônica Vivo e de players do setor financeiro, como Banco do Brasil, Bradesco, Itaú e XP.

Fonte: https://www.baguete.com.br/

25/06/2021

NENHUM COMENTÁRIO

ENVIAR UM COMENTÁRIO