Alper vai investir R$ 100 milhões em aquisições em nove meses

Nos últimos sete meses, já incorporou outras quatro corretoras: Vertex, Transbroker, Next Marka e Ferfi Consultoria.

A consultoria e corretora de seguros Alper entra no segundo trimestre de 2021 com R$ 100 milhões em caixa para novas aquisições. O recurso é fruto de uma rodada de captação entre os principais acionistas do grupo que foi concluída no fim de março e levantou R$ 110 milhões por meio de emissão de ações.

Entre os investidores da companhia estão fundos de participações em empresas como Brasil Capital, Leblon Equities, Pátria Investimentos e Indie Capital. A Alper, que entrou na bolsa em 2010 e faz parte do Novo Mercado da B3, é fruto da reestruturação da antiga BR Insurance. Hoje conta com uma carteira de 15 mil empresas clientes e R$ 1,2 bilhão em prêmios administrados.

A companhia exibe um histórico recente de aquisições em série. Nos últimos sete meses, incorporou quatro corretoras: Vertex por R$ 22,1 milhões, Transbroker por R$ 58,05 milhões, Next Marka, por R$ 22,8 milhões, e Ferfi Consultoria, por R$ 35,2 milhões.

A Alper anunciou também, na divulgação dos resultados do primeiro trimestre, a compra da carteira de seguro saúde da Ô Insurance. De acordo com o CEO do grupo, Marcos Couto, “foi nossa primeira aquisição totalmente virtual, fizemos todas as reuniões por vídeo e fechamos tudo remotamente, sem nenhum aperto de mãos no final”.

Conforme o executivo, dos R$ 110 milhões captados recentemente, “R$ 100 milhões serão destinados a fusões e aquisições [M&A, na sigla em inglês] nos próximos nove meses”. Os R$ 10 milhões restantes reforçam os investimentos em tecnologia da companhia.

“A Alper tem dois pilares: crescer organicamente e só depois acelerar por M&A, ou seja, não tem M&A se não tiver antes um crescimento orgânico”, afirma Couto. A empresa prepara-se também, além dos planos de expansão, para assinar o contrato de distribuição de produtos de saúde e odonto na rede da Caixa Econômica Federal. Segundo o CEO, “prevemos que isso ocorra nos próximos 15 a 20 dias.

A Alper fechou o primeiro trimestre de 2021 com receita líquida de R$ 30,8 milhões, uma alta de 22,1% na comparação com o mesmo período de 2020 e uma alta de 8,3% ante o trimestre anterior. O lucro líquido atingiu 2,1 milhões, com aumento anual de 74,2%.

A Alper também está trazendo para o conselho administrativo e para liderar o comitê de inovação do grupo o investidor e empresário Sylvio de Barros Netto, conhecido por ter fundado sites como Webmotors e iCarros, vendidos para instituições financeiras.

“O Sylvio vai liderar nossas estratégias de digitalização e novas tecnologias, que é um segmento estratégico para a empresa”, afirma Couto. Além do especialista, a empresa vai criar uma nova posição na alta direção, o executivo-chefe digital (CDO), e começa a sondar o mercado atrás de um nome.

De acordo com o CEO, a incorporação de soluções tecnológicas tem feito cada vez mais parte da estratégia de expansão orgânica da Alper. A empresa tem investido no lançamento de plataformas para oferecer benefícios agregados ou de distribuição digital de seguros.

Entre as plataformas, a Dr. Alper oferece telemedicina e outros canais de atendimento remoto, gestão de processos de RH, programa para maternidade e telepsicologia. Com essa solução, a empresa afirma ter evitado R$ 11 milhões em sinistros.

A corretora pretende lançar em maio outra plataforma destinada aos seguros garantia. “Será uma solução proprietária que vai envolver todo o processo de cotação e fechamento online de diversas demandas de seguro garantia”, aponta Couto. No segundo semestre, a empresa quer lançar uma ferramenta semelhante destinada ao seguro de cargas.

Fonte: https://valor.globo.com/

07/05/2021

NENHUM COMENTÁRIO

ENVIAR UM COMENTÁRIO